terça-feira, 8 de julho de 2008

A questão

Recentemente, encontraram dois poços de petróleo e um poço de gás na bacia de santos. A Petrobrás pretende explorá-los, deixando o Brasil mais próximo da auto-suficiência. A maior parte da população santista está muito contente, por assim dizer, com a futura exploração petrolífera da bacia, pois dinamizará a economia e contribuirá para um maior desenvolvimento da baixada santista. Eu, porém, não estou me deixando levar pelo ponto econômico, mas penso nas questões ambientais e sociais.

Eu enumerei alguns pontos favoráveis e desfavoráveis da exploração da bacia de santos. Nenhum deles foi estudado a fundo, isso é apenas um esboço:

Pontos favoráveis:
1 - O país irá ficar próximo da auto-suficiência;
2 – Economia do centro de santos irá dinamizar-se.
3 - Baixada santista irá se desenvolver muito.
4 - A economia da baixada sofrerá um Boom

Pontos desfavoráveis:
1 – Possíveis danos ambientais ao local explorado;
2 – Possível movimentação da mancha de esgoto formada por Santos e São Vicente (pouco provável), podendo deixá-la próxima à praia;
3 – Aumento da população da baixada santista;
4 – Por conta do aumento populacional, o trânsito ficará mais congestionado (atualmente já temos hora do rush – que nem se compara a São Paulo – imagine com o aumento populacional!);
5 – Somando o aumento populacional às obras da Comgás (que evoluem lentamente), o trânsito se tornará um inferno;
6 – Com o aumento da população será necessário aumento de moradia. Muitos prédios serão construídos em Santos, o que barrará a brisa vinda do mar. O calor aumentará muito.
7 – Para a construção de prédios, será necessária mão-de-obra. A mais barata é a nordestina. Centenas de nordestinos migrarão para cá.
8 – A migração de nordestinos significa perda na economia nordestina, perda da cultura local e aumento, ainda maior, da população.
9 – Assim que acabarem as construções de prédios, os migrantes ficarão sem emprego. Irão se tornar moradores de rua ou formar favelas em São Vicente, Cubatão e proximidades.
10 – O preço dos imóveis em santos subirá muito. Lá, só viverá a “nata da sociedade”
11 – Grandes contrastes sociais acarretam grandes problemas.
12 – Os assaltos se tornarão freqüentes.
13 – A baixada santista se tornará quase como São Paulo: contrastes sociais, assaltos, ilha de calor, problemas econômicos e etc.

Diga não à exploração petrolífera das bacias de Santos!

4 comentários:

luíza disse...

Concordo plenamente com seu ponto de vista! Agora trabalhe nele, divulgando, e se possível, criando uma petição no petition online. Assim, sua opinião pode se tornar uma verdade! :D

Julia disse...

Todos sabemos que a exploração de petróleo é desfavorável ao meio ambiente, direta ou mesmo indiretamente, pois além de provocar derradeiros desequilíbrios e desastres ecológicos no local explorado, através do ouro negro produz-se apenas substâncias e materiais que, além de uso comum e excessivo são altamente prejudiciais ao meio ambiente. Polui-se o ar, altera-se a temperatura em certas regiões, elimina qualquer forma de vida marinha, entre demasiados outros.
Mas poucos levam em conta que já existem não apenas estudos, como comprovações e projetos realizados, a respeito da substituição de combustíveis fósseis pela força eletromagnética.
Ou seja, prejudicar mais ainda as condições dessa cidade?!? Até mesmo economicamente como já foi citado! Só comprova a ganância, cada vez maior do homem!

Guilherme disse...

É importante frisar que a maioria das pessoas maiores de idade a quem eu perguntei, se disseram a favor da exploração. E, mesmo eu mostrando os problemas que poderão ser causados, essas pessoas permaneceram a favor da exploração, dizendo que é uma oportunidade de expansão e renovação da economia da baixada, principalmente de Santos, que está em decadência após a época em que se exportava café pelo porto de Santos.

Yago Lopes disse...

Desculpe-me, porém tu falou muita bosta! Abraço e beijo nas crianças!